top of page

Vereadora questiona suposta "falta de pacientes" para a realização de vasectomias e laqueaduras



A vereadora Rochelle Gutierrez questionou, em suas redes sociais, o argumento da secretária municipal de saúde Valdilene Rocha com relação às cirurgias de vasectomia e laqueadura realizadas em Uberaba. De acordo com a secretária, falta adesão, por parte dos uberabenses, para a realização das cirurgias. Mas, segundo aponta Rochelle, seu mandato já recebeu dezenas de solicitações e denúncias de atraso no chamamento.


Em vídeo divulgado pela vereadora, foram apresentados comentários de uberabenses que questionaram a informação apresentada pela secretária, uma vez que os mesmos aguardam retorno para a realização do procedimento, alguns apontam que estão aguardando há meses.


De acordo com a parlamentar, seu mandato destinou R$ 200 mil em emendas para a realização dos procedimentos em Uberaba, momento em que foi apresentada uma alta demanda. Agora, os dados ainda não contemplam cidadãos que inclusive são acompanhados pelo mandato da vereadora, que apontam uma demora na conclusão do processo, falta de ligação para agendamento, dentre outros problemas.


Rochelle destacou que enviará questionamentos à Secretaria Municipal de Saúde com relação ao que foi apresentado em entrevista, e o que está sendo feito para realizar a busca dos cidadãos que têm interesse no procedimento, bem como a divulgação das vagas disponíveis.



4 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page